google-site-verification: googled55d6f38886f7832.html google-site-verification: googled55d6f38886f7832.html
 

O PROCESSO DE GERENCIAR OBRAS

Atualizado: 12 de mar.



Os planos de uma construção dependem de algumas etapas realizadas de forma harmoniosa. O gerenciamento de obras garante que o projeto se torne realidade garantindo uma edificação de qualidade. Saiba agora, algumas informações sobre o gerenciamento de obras e seus respectivos tópicos.


Índice do artigo:

  • Significado de gerenciamento de uma obra

  • Conheça o gestor de obras

  • Quais as etapas do gerenciamento?


 

Significado de gerenciamento de uma obra

Elaborar uma obra não é tão simples, é necessário coordenar e acompanhar várias tarefas, além de se planejar para imprevistos. Se todo o processo falhar, o projeto pode obter diversos obstáculos como precariedade de mão de obra e materiais.


O gerenciamento de uma obra administra todas as fases possíveis de uma construção. Observando a parte administrativa, ela analisa o orçamento, as equipes, os prazos e o desenvolvimento da construção. Com isto, se garante um cronograma executável a fim de que o orçamento inicial seja mantido até a conclusão.


Além de haver algumas circunstâncias, há acontecimentos inesperados mesmo que todo o planejamento tenha sido executado. Entretanto, com uma equipe de qualidade e excelência, estes problemas se tornam mínimos diante do todo. A amenização do problema se justifica por esta obter um gestor de obras qualificado com o intuito de acompanhar constantemente. Essa assistência traz um olhar mais atento a obra, detectando problemas antecipadamente e causando pequenos danos.


Gestor de obra
GERENCIAMENTO DE OBRA

 

Conheça o gestor de obras


Durante todo o projeto, uma obra é basicamente um quebra-cabeça: cada peça se encaixa perfeitamente para o resultado dar certo. É por isso que, além da mão de obra qualificada e materiais de boa qualidade, é necessário um bom gerenciamento. Este garante que a obra fique fora do papel e saia conforme o planejado.


O gestor de obras é o profissional responsável por lidar com a programação, a administração de projetos e equipe e o cumprimento da construção. O cargo abrange serviços variados exigindo uma pessoa comunicativa, que possua entendimento das metodologias e facilidade na resolução de problemas.


 

Quais as etapas do gerenciamento?

O gerenciamento de obras possui dentro de seus processos algumas funções essenciais para o seu desenvolvimento. E, apesar da importância, muitas construtoras e profissionais acabam não dando o devido valor para essa ferramenta. Dessa forma, deve-se conhecer mais sobre o gerenciamento de obras, sua importância, como aprimorá-la e sua ligação com outras etapas.


1) Viabilidade


A viabilidade é caracterizada por verificar se alguma aplicação de capital será feita com sabedoria, ou seja, se compensará. O aprendizado trazido por ela sobre a construção será de certificação dos custos e prováveis vendas dela. Seguindo pelos custos, este abrange o gasto com a equipe e materiais, além de analisar a área. Na análise da área, englobam-se o zoneamento urbano, restrições geotécnicas, taxa de ocupação, autorizações e limitações legais.


Ademais, é possível realizar outro estudo além do econômico, o ambiental. Há regulações específicas para cada tipo de vegetação e algumas delas impedem que sejam construídas edificações já pensadas. Por exemplo, em regiões de mangue (APP), não se pode edificar nada.


2) Orçamento


Planejar um orçamento pode ser um grande desafio para o responsável pelo projeto, no caso o gestor de obras. É uma responsabilidade gerar uma estimativa plausível para a construção. Caso haja um erro, tanto a confiança do cliente quanto o resultado final da obra serão prejudicados.


O orçamento está presente nas etapas iniciais do planejamento da obra a fim de que se saiba quais recursos necessita. Essa garantia traz segurança para o cliente reduzir o desperdício e não ser afetado. Além disso, há antecipadamente uma pesquisa tabelando preços dos materiais e mão de obra, contando também a variação do mercado.


Os problemas não são apenas relacionados com gastar mais dinheiro do que o disponível. Um orçamento incorreto causa atrasos e, como forma de compensar o tempo gasto, a qualidade na execução é reduzida. Realizar um planejamento eficiente de orçamento e ter maior controle dos processos e etapas da execução da obra é essencial.


O que consta em um orçamento de uma obra
ORÇAMENTO DE UMA OBRA

3) Cronograma


Cronograma de obra é a definição de prazos para execução das tarefas dentro de uma construção. É um componente fundamental para qualquer obra, sua estruturação é difícil e também estratégica para o gestor de obras.


Com o intuito de estabelecer o cronograma, se torna fácil o avanço da obra com orçamento e planejamentodefinidos. Como dito anteriormente, o gestor de obras é responsável por esta parte de gerenciar o tempo, garantindo assim o andamento. Logo, o cronograma surge da organização dos materiais e ordem das tarefas na obra, resultando no prazo final da construção.


Programação de uma obra
CRONOGRAMA DA OBRA

4) Organização do canteiro de obras


É primordial que haja uma organização do canteiro de obras a fim de que a construção seja eficiente e segura. A definir estão os locais de descanso, banheiros e equipe, além dos materiais. Com o fácil acesso a eles, o seu deslocamento se torna rápido, elevando a eficiência do canteiro.


A organização do canteiro de obras é responsabilidade de todos os envolvidos nela. Desde os engenheiros, ao determinarem o projeto e os fluxos de trabalho, até os pedreiros. Estes devem garantir que os equipamentos sejam propriamente guardados e o local limpo adequadamente. Algumas dicas para que a organização dos equipamentos seja eficiente são:


  • Faça um local de armazenamento para as ferramentas no canteiro

  • Deixe com os pedreiros as ferramentas que eles estão usando

  • Auxilie os funcionários na hora de preservar a limpeza

  • Classifique os locais para os equipamentos

  • O aluguel de ferramentas e equipamentos diminui a quantidade deles


Adequação de um canteiro de obras
CANTEIRO DE OBRAS

5) Contratação de mão de obra


A escolha da equipe de mão de obra é responsabilidade do gestor de obra já que este sabe a necessidade. Ainda, este possui a sabedoria das qualidades necessárias para cada etapa ser completa, assim como o orçamento.


Mesmo que seja a responsabilidade do gestor de obras, ele pode ter um determinado auxílio. O engenheiro pode ter uma equipe para ampará-lo no gerenciamento da construção.


Escolha de uma mão de obra
CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA

6) Compra de materiais


A fim de que a obra seja executada, um dos principais fatores é a compra dos materiais. Esta ação é caracterizada por encontrar o que se necessita para a construção, observar a qualidade e relembrar o orçamento. Além disso, com a gerência formada por profissionais experientes e qualificados, a economia na compra é praticamente garantida. Como dicas para esta compra, têm-se:


  • Liste os materiais necessários para a obra

  • Avalie o ciclo de vida de cada material

  • Invista em materiais sustentáveis

  • Considere a estética do produto


Compra de materiais para utilizar na obra
COMPRA DE MATERIAIS

7) Supervisão das equipes


Uma boa gestão de obras começa com um bom planejamento. Isso se deve ao fato de que executar uma obra não é barato e rápido e não envolve poucas pessoas. Estar alinhado com os custos de projeto, com o tempo de execução e com a equipe é uma etapa fundamental.


A certeza de que a obra está caminhando bem é adquirida através da supervisão das equipes durante a construção. Esta permite evitar problemas futuros e desperdício de materiais, além de realizar tudo observando as normas de segurança e técnicas. A vigilância feita cotidianamente se trata da conversa com os trabalhadores para o caso de dúvidas ou notícias.


Análise do andamento de uma obra
SUPERVISÃO DE UMA OBRA

 

O gerenciamento de obra é essencial durante o projeto já que há o controle de materiais, tempo e equipes. O resultado dessas ações traz uma obra realizada no prazo certo, seguindo seu cronograma, com sua devida qualidade. Ademais, outro benefício é a conservação do orçamento, não havendo surpresas durante e no final da obra. Uma boa equipe juntamente com seu gestor de obra é fundamental para não aparecer dores de cabeça com qualquer problema.


Gostou desse assunto e quer saber mais? Então confira as principais novidades da Engenharia Civil e Mercado Imobiliário no nosso blog. Além de conferir mais artigos relacionados a esse assunto, como ideias e alternativas para você inovar na sua construção.

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo