COMO REFORMAR MINHA CASA?

March 25, 2019

 Está pensando em reformar a sua casa e não sabe por onde começar? Confira algumas dicas e sugestões que te ajudarão a se planejar para sua próxima reforma.

Todos sempre sonham em morar na casa dos seus sonhos. Por outro lado, muitas vezes alguns detalhes sempre acabam sendo esquecidos na hora de construir. Oque eu devo fazer agora? Reformar a sua casa pode parecer algo assustador, uma grande dor de cabeça. Nessa hora inúmeras perguntas passam pela sua cabeça: Por onde devo começar? Quem eu devo contratar? Quanto custa reformar? Oque eu não devo fazer? Como me planejar?

       

Se você pretende reformar e ainda não tem a resposta para todas essas dúvidas, fique tranquilo e acompanhe o anúncio. 

 

Por onde eu devo começar?

 

Na hora de reformar a casa é preciso ter um bom planejamento e programação. Quando algumas  dessas etapas são deixadas de lado oque deveria ser a solução de um pequeno problema pode acabar se tornando um enorme dor de cabeça. 

 

Durante a etapa de planejamento tenha sempre em mente alguns pontos importantíssimos: Etapas e duração do projeto, materiais, orçamento, autorizações necessárias, como contratar um profissional de qualidade...

 

 

  • Etapas do Projeto: 

Contrate um profissional (Engenheiro, arquiteto, designer de interiores) para elaborar um projeto, detalhando todas as etapas. Realizar o projeto de uma reformar/ampliação deve te prevenir de futuros problemas. Quando não feitas acompanhadas de um projeto, o proprietários devem sempre buscar um projeto de regularização.

 

  • Materiais:

Assim que o projeto estiver finalizado, busque pesquisar e listar os materiais e quantidades a serem aplicadas a sua obra. Faça o orçamento desses materiais em diversas lojas de construção e mantenha-se sempre atento para as melhores soluções e preços.

  • Orçamento: 

Um bom planejamento se baseia em previsões. Junto ao seu projeto ou profissional responsável, tente prever futuros gastos  com profissionais (pedreiro, pintor, eletricista, encanador,etc). Acima de tudo, pesquise sobre os valores dos materiais a serem aplicados e mão de obra necessária. Depois de tanto planejamento, esteja seguro quanto a algum imprevisto, guarde uma porcentagem de dinheiro além do orçamento previsto por segurança.

 

 

Quem eu devo contratar?

 

Muitas vezes é fácil se deixar levar pela ideia de economizar na sua reforma por não contratar um profissional. Por outro lado, numa obra existem diversos caminhos para economizar dinheiro, porém deixar de contratar um engenheiro civil  NÃO é um deles.

 

Como já dito anteriormente no anúncio, contratar um um engenheiro traz mais segurança para a sua obra, a elaboração e detalhamento do projeto permitirá que você acompanhe todos o processos envolvidos na sua reforma e te prevenirá de futuros gastos e imprevistos ligados a acidentes, infiltrações, taxas e projetos de regularização na prefeitura, etc.

 

Caso a sua casa conte alguns problemas de estrutura como fissuras na parede, azulejos ocos, infiltrações, imperfeições na parede,  piso afundado, é essencial contratar um especialista, de preferência um engenheiro civil. Cuidado para não confiar em quem não entende do assunto e gastar muito mais do que o necessário! O profissional habilitado consegue antecipar os transtornos e evitar erros e atrasos. 

 

Contrate um Engenheiro civil experiente, este é o principal investimento a ser feito em qualquer obra.

 

 

 

Quanto custa reformar?

 

Os principais fatores a serem avaliados aqui são : A dificuldade e grandeza da reforma. Tendo isso em vista, alguns projetos por serem muito grandes, tendem a depender do emprego de uma vasta mão de obra, voltada a execução projeto. De forma análoga, para um projeto de alta dificuldade ou  a ser desenvolvido em pouco tempo, o projeto passará a ter mais valor agregado.

 

Os profissionais voltados a execução do projeto (pedreiro, pintor, eletricista, encanador) baseiam-se em diferentes formar de orçamento. Desta forma é importante sempre se manter atualizado sobre o preço médio do serviço em relação ao mercado, ou seja, faço o orçamento do mesmo serviço com mais de um profissional, antes de iniciar a sua obra. Assim, você encontrará um bom preço e pode ser que você tenha uma economia considerável de dinheiro e tempo,  apenas com essa simples etapa.

 

 

 

 

 

 

Oque eu não devo fazer?

 

 

Muitas vezes podemos ficar ansiosos com as mudanças ou até mesmo despreocupados com algumas etapas essenciais na hora de reformar. Deixar de fazer o orçamento da sua obra, planejar a reforma ou até mesmo não contratar um profissional, são os erros mais comuns. 

 

Siga todos os passos citados anteriormente. Uma reforma pode quando mal feita pode tornar um problema simples em uma verdadeira bola de neve.

 

Não caia no erro de economizar a todo custo, o barato pode acabar saindo muito caro futuramente. Desta forma, priorize o serviço, sempre buscando investir em Instalações hidráulicas e elétricas, iluminação, bancada da pia da cozinha, maçanetas das portas e principalmente contratando um engenheiro de qualidade e economizando ao usar o mesmo material de revestimento em todos os ambientes (mesmo piso, mesmo azulejo). 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Em Destaque